2

De volta..

Sim, tenho estado ausente. Mais do que queria. Menos do que podia.
O trabalho dá trabalho. Mesmo em part-time, com formações e um ambiente de amizade decidi que - pressões psicologicas, visões encarceradas de euros e numeros, comissões, penalizações e pausas de 10 minutos a mando de um chefe de equipa (tipo escola secundária) não são para mim.
Ao quinto dia não fui. Demasiado sono para pôr em dia, viagens demasiado longas para chegar, demasiadas saudades da minha menina e demasiado sentimento de culpa por chegar tarde e sem disposição nem para ela nem para ele e muito menos para uma casa caótica.
Apesar de triste pela minha falta de presistência fiquei feliz por me ter respeitado.
Continuo à procura, dentro de outros ramos.
Dentro da minha área pouco encontro ou mesmo nada.
Espero resposta de mais um part-time que quase se transformou em full-time: demasiadas horas e muito mal pago.
Não obrigado fico com part-time e continuo a morar com o meu marido e a minha filhota.

2 comments:

pu pu pi tu disse...

: ).

Tão bom...

Baby disse...

as x temos de dizer Não ...